O Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA), desenvolvido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e aplicado no Espírito Santo pelo Centro de Apoio aos Sindicados da Findes (CAS), realizou nessa quinta-feira (19) um curso, na Diretoria Regional da Serra, para ensinar os empresários da região a gerir as informações de Saúde e Segurança no Trabalho (SST) no eSocial.

O assunto foi abordado pelo engenheiro Florestal e de Segurança do Trabalho e consultor em qualidade de vida no trabalho, Rodrigo Meister de Almeida, que apresentou os principais aspectos do eSocial e seus impactos para as indústrias, e explicou os conceitos relacionados aos Fatores de Riscos Ambientais do Trabalho e a SST com ênfase na legislação previdenciária e trabalhista.

Alguns pontos de sucesso na gestão de SST no eSocial: ter o apoio da alta administração da empresa; adotar uma perspectiva multidisciplinar com ajustes nas soluções tecnológicas disponíveis, papeis, qualificação e responsabilidades das pessoas; fazer um diagnóstico da situação atual em relação aos requisitos do eSocial; implementar uma gestão de projetos; e, por fim, implementar uma gestão de mudanças para conscientizar e preparar os profissionais e gestores para atuar no novo contexto.

A capacitação integra as ações do Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA) e a iniciativa faz parte do eixo de serviços dos sindicatos que incrementa o portfólio dos sindicatos para as indústrias. Nesse eixo, destaca-se o projeto Associa Indústria, uma parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) para a oferta de capacitação empresarial sobre temas como normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho, adequação à legislação trabalhista e carga tributária.

 

Imprimir