O Índice de Confiança do Empresário Industrial no Espírito Santo alcançou 58,1 pontos no mês de novembro, o maior resultado desde novembro de 2012 (58,9). O resultado representa um crescimento de cinco pontos em relação ao mês anterior, ficando pelo décimo mês seguido acima da linha de divisória de 50 pontos – que sinaliza confiança dos empresários.

A análise, publicada pelo Instituto de Desenvolvimento Industrial e Educacional do Espírito Santo (Ideies) em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), revela que o ICEI no Espírito Santo está 1,6 ponto acima do resultado nacional (56,5). A alta do indicador pode ser explicada pelo otimismo dos industriais capixabas.

Composto por dois índices, o ICEI no Espírito Santo se destaca pelos 60,7 pontos registrados no Índice de Expectativa – acima dos 58,9 do país. O Índice de Condições Atuais, no entanto, está em 52,7 pontos – pouco acima dos 51,5 do índice nacional. Para o presidente do Sistema Findes, Léo de Castro, o indicador reforça o potencial do Espírito Santo.

“Nosso Estado colhe os frutos das escolhas que fez durante a crise. Temos segurança jurídica, equilíbrio fiscal e uma indústria forte, que começa a caminhar na direção da retomada. Nosso PIB cresceu nos últimos três trimestres, temos a expectativa de ver a Samarco voltar a operar e acreditamos que 2018 trará novas oportunidades”, pontuou Castro.

 

Confira mais detalhes lendo o material completo no site do Ideies:

http://bit.ly/IdeiesIcei