Carne bovina resfriada: item foi um dos principais responsáveis pela alta na produção da indústria de alimentos

Carne bovina resfriada: item foi um dos principais responsáveis pela alta na produção da indústria de alimentos

O ano de 2017 marcou o início da recuperação da economia brasileira e a indústria de alimentos teve um crescimento histórico, que superou, inclusive, as estimativas de crescimento do PIB (0,7%), segundo análise publicada no portal Infomoney. De acordo com estimativas do diretor adjunto de economia da Associação Brasileira da Indústria de Alimentação (Abia), Amilcar Lacerda, o setor de alimentos processados deve fechar o balanço de 2017 com crescimento de 1,2% em relação aos números de 2016.

No Espírito Santo, o setor de alimentos e bebidas também é um dos grandes responsáveis pelo bom desempenho da indústria. Na última Pesquisa Industrial Mensal de Produção Física (PIM PF), analisada pelo ideies e divulgada este mês, o grupo de produtos alimentícios apresentou alta de 13,7% no acumulado de janeiro a novembro de 2017. Os principais itens que puxaram o crescimento foram carnes de bovinos frescas ou refrigeradas, açúcar cristal e massas alimentícias secas.

Você pode conferir a pesquisa completa em http://bit.ly/Alimentosemalta

Por Elaine Maximiniano

Imprimir

Notícias Relacionadas