O Conexão Cindes de novembro, promovido pelo Centro da Indústria do Espírito Santo (Cindes) na noite desta quinta-feira (23), teve a participação do economista-chefe do Banco Safra, Carlos Kawall. O encontro reuniu cerca de 200 pessoas e debateu perspectivas econômicas para o Brasil em 2018.

Kawall apresentou projeções que apontam crescimento de 0,7% no PIB nacional deste ano e de 2,5% para 2018. O economista, entretanto, ressaltou os diferenciais do Espírito Santo no cenário atual. “O Estado viveu uma perda excessiva de receitas, mas soube manter suas finanças em ordem com boa gestão”, pontuou.

Para o presidente do Sistema Findes/Cindes, Léo de Castro, o Conexão Cindes vem se consolidando como um espaço para a discussão de temas relevantes para todo o setor produtivo. “Este é o ambiente da convergência, onde podemos reunir comércio, indústria, agricultura, transportes e tantos outros setores. Queremos juntar forças em prol do desenvolvimento do Estado”, destacou.

Criado em setembro deste ano, o Conexão Cindes teve a participação do economista e pesquisador da Fipe/USP, Paulo Tafner, em sua primeira edição, seguido do juiz do TRT do Paraná, Roberto Dala Barba Filho, integrante da comissão de implantação da Reforma Trabalhista, em palestra no mês seguinte.

Imprimir

Notícias Relacionadas