As equipes Lego Side (Sesi-ES de Maruípe) e Troia (Sesi-ES de Linhares) competem em Brasília (DF) por vagas nas etapas mundiais que acontecem nos EUA, Dinamarca, Inglaterra e Austrália

Duas equipes do Sesi-ES embarcam nesta quinta-feira (16) para participar da etapa nacional do Torneio de Robótica First Lego League, que acontece entre os dias 17 e 19 de março, em Brasília (DF). O torneio é classificatório para uma das etapas mundiais, que acontecerão nos seguintes países: EUA (Califórnia, Virgínia Ocidental), Dinamarca, Inglaterra e Austrália (Sidney).

As equipes Lego Side (Sesi Maruípe) e Troia (Sesi Linhares) conquistaram a vaga para a grande final após a etapa regional classificatória ocorrida em dezembro do ano passado, em Vitória. Foram dois dias de disputa intensa nas categorias de “Mesa de Robô”, “Design de Robô”, “Projeto de Pesquisa” e Core Values (o espírito de equipe), dentro do tema da temporada 2016/2017 do Torneio FLL®, Animal Allies, que estimula a criação de soluções para um melhor convívio entre seres humanos e animais.

A equipe Lego Side, inclusive, venceu a seletiva regional ocorrida em dezembro do ano passado, em Vitória. O projeto de pesquisa desenvolvido para o torneio, que propõe o combate à caça ilegal de caranguejo na Grande Vitória, recebeu na ocasião muitos elogios de todos os participantes.

O jovem João Paulo Pereira dá alguns detalhes sobre a estratégia que a equipe Lego Side aplicará em Brasília neste final de semana. “Conversamos bastante com outras equipes mais experientes durante a etapa nacional, de que participamos no ano passado, e que já haviam, inclusive, participado de etapas internacionais, e trouxemos essa bagagem de volta no intuito de buscarmos o melhor resultado possível. Foram muitas horas após as aulas e até mesmo nos finais de semana aperfeiçoando o nosso projeto, o nosso robô e o nosso espírito de equipe”, destaca o estudante do Sesi Maruípe.

Já a equipe Troia, que ficou em 3º lugar na seletiva regional, também foi destaque com seu projeto de pesquisa, que visa a eliminar o problema do atropelamento de espécies nativas da região de Linhares nas rodovias locais, principalmente das onças, que infelizmente já fazem parte do grupo de animais em risco de extinção no Brasil. A busca pelas melhores soluções foi além da sala de aula, como explica a aluna Dayana Freitas Santos.

“Nós fomos atrás de engenheiros civis no intuito de elaborarmos a melhor solução para o problema, visando à construção de pontes suspensas e túneis para os animais atravessarem a rodovia sem riscos. Isso é um dos grandes benefícios do Torneio FLL: oferecer uma visão mais ampla sobre o mundo que nos cerca – além, é claro, dos robôs, do raciocínio lógico e do espírito de equipe”, afirma Dayana.
Conheça as equipes do Sesi-ES:

Lego Side
Unidade: Sesi Maruípe
Competidores:
João Paulo Pereira Eliotério
João Pedro Camargo Batista
Pedro Augusto Dias
Rafael Oliveira de Araújo
Talyson Carlito Almeida de Jesus
Técnicos:
Sheiline Cândida Santos
Thiago Ferreira da Silva
Troia
Unidade: Sesi Linhares
Competidores:
Marcelo Bianchi Junior
Ana Paula Freitas Zocatelli de Moura
Isabelli Zuqui de Souza
Marcos Vinicius Doano de Almeida
Beatriz Petrobetto Ribeiro
Gabriela Scopel
Técnica:
Rose Silva de Mello Pinheiro

Acompanhe o torneio em tempo real: www.facebook.com/TorneioFLLBrasil

Por Fabio Martins

Imprimir