A reunião extraordinária do Conselho de Representantes da Findes, que aconteceu nesta quinta-feira (18) no plenário da federação, foi palco de um diálogo entre o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande; o presidente da Findes, Léo de Castro; e o Conselho de Representantes.

Além das relevantes discussões sobre temas tributários, de produtividade, entre outras pautas provenientes dos conselhos temáticos e câmaras setoriais, o evento foi também oportunidade para direcionar solicitações e questionamentos ao governador.

Após seu discurso de abertura, Casagrande respondeu às questões levantadas pelos cerca de 80 conselheiros presentes, em sua maioria sobre infraestrutura, desburocratização e tecnologia. Acessível e bem-humorado, o governador respondeu até mesmo a indagações fora da agenda, como o projeto que daria 13º do auxílio-alimentação para servidores do Ministério Público do Espírito Santo (MPES). Sobre isso já adiantou que vai vetar a proposta, que abriria precedentes para outros órgãos demandarem o mesmo direito.

Durante o encontro tomaram posse novos conselheiros representantes. São eles: Antônio Tavares Azevedo de Brito (SINDICALÇADOS), Paulo Alexandre Gallis Pereira Baraona (SINDUSCON), José Élcio Lorenzon (SINDUSCON), Aristoteles Passos Costa Neto (SINDUSCON), Zilma Bauer Gomes (SINDIQUIMICOS), José Carlos Zanotelli (SINDIQUIMICOS), Luiz Augusto Peito Macedo Simão (SINDIQUIMICOS) e Valkineria Cristina Meirelles Bussular (SINDIBORES).

Por Marcella Andrade

Imprimir