Isabela Minatel explica que é primordial o jovem de hoje sair da zona de conforto, superar o medo do fracasso e buscar o que o faça feliz

No dia 18 de agosto é comemorado o Dia do Estagiário. Para celebrar a data, o Instituto Euvaldo Lodi (IEL-ES) promoveu, no dia 19, uma palestra sobre empreendedorismo com a especialista Isabela Minatel. Os convidados lotaram as 300 cadeiras disponíveis no teatro do Sesi -ES em Jardim da Penha, Vitória.

A palestra visou à postura empreendedora que devemos ter diariamente, além do desafio que a indústria enfrenta ao lidar com essa geração que nasceu e cresceu em estreito contato com a tecnologia. “Essa geração tem grande dificuldade em se encaixar dentro da indústria tradicional. Logo, eles buscam empreender para poderem agir de acordo com seus conceitos e formas de gestão diferentes das convencionais”, conta Minatel.

A palestrante explica que, antes de sair fazendo investimentos e abrindo empresas, o jovem deve ouvir. “Eles foram criados ensinando a seus pais sobre as novas tecnologias. A dificuldade surge quando eles não ouvem o que as pessoas que estão na indústria há mais tempo têm para dizer. Toda pessoa, mais velha ou mais nova, tem algo para passar adiante”, explica.

 

O superintendente do IEL-ES, Fabio Dias, conta que o conflito das gerações é comum e que, caso o gestor saiba aproveitar, isso pode ser um ponto positivo na empresa

O superintendente do IEL-ES, Fabio Dias, também contribuiu no evento explicando a todos os presentes que o conflito das gerações é comum e que, caso o gestor saiba aproveitar, isso pode ser um ponto positivo na empresa. “O desafio do convívio entre gerações é comum, porque a educação, a era tecnológica e os valores são diferentes. Cabe ao gestor entender as particularidades de cada um, aproveitar o que os dois têm de melhor e primar pelo respeito”, afirma Dias.

Isabela Minatel também explica que é primordial o jovem de hoje sair da zona de conforto, superar o medo do fracasso e buscar o que o faça feliz. “Mesmo que você fracasse, encare as novas etapas como ‘ou eu ganho ou eu aprendo’. O empreendedorismo não está restrito apenas aos negócios, mas também ao modo como você enxerga a sua posição no mercado de trabalho”, destaca.

 

Músicos da orquestra Camerata Sesi-ES se apresentaram na abertura do evento

Os estagiários presentes no momento de aprendizado entenderam a mensagem. “Eu achava que empreendedorismo era apenas para organizar e administrar uma empresa, mas hoje vi que vai além disso. Minha própria carreira é um empreendimento e quero investir nela como um negócio”, disse o estudante Matheus Simonetti, estagiário no Conselho Regional de Medicina.

Ao fim da palestra, foram sorteados brindes e distribuídos picolés e doces para os presentes.

Quem é Isabela Minatel?

Instrutora, consultora e palestrante nas áreas de Inteligência Emocional e Comportamento Empreendedor. Pós-graduada em Educação e Administração pela Fundação Getúlio Vargas, já atuou em grandes entidades e multinacionais, como o Sebrae, HP, Accor Hoteis, Banco Votorantim, Bradesco, Vivo, Telefônica e Microsoft.

Por Pedro Maioli

Imprimir