O Anuário IEL 200 Maiores e Melhores Empresas no Espírito Santo, produzido pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL), revelou que a receita operacional bruta (ROB) das maiores empresas atingiu R$ 101,3 bilhões em 2017, alta de 12,7% em relação ao ano anterior. A publicação, lançada nesta quarta-feira (22) durante o Fórum IEL de Gestão, consolidou Petrobras, Vale e ArcelorMittal como as três maiores empresas em solo capixaba.

Análise produzida pelo Instituto de Desenvolvimento Educacional e Industrial do Espírito Santo (Ideies) aponta que o setor de serviços concentrou o maior número de empresas no ranking, com 93 estabelecimentos, seguido por indústria (64) e comércio (43). Na análise por receita operacional bruta, no entanto, foi o segmento industrial quem registrou maior volume, com R$ 61,3 bilhões em 2017.

A atividade de exploração de petróleo e gás mereceu destaque, com R$ 20,2 bi de ROB. Os setores de serviços (R$ 22,8 bi) e comércio (R$ 17,1 bi) completam a lista. Considerando o total de empregos, a indústria lidera com 32 mil postos de trabalho formais, à frente de serviços (28 mil) e comércio (7 mil). Na divisão regional, a Região Metropolitana da Grande Vitória reúne 142 das maiores empresas, seguida por Linhares (16), Colatina (13) e Cachoeiro de Itapemirim (8).

Para o presidente do Sistema Findes, Léo de Castro, os números restauram a confiança do empresário capixaba. “Os capixabas fizeram seu dever de casa. Soubemos absorver o impacto de anos áridos, com queda acentuada no PIB desde 2015, as restrições de crédito, a inadimplência e a imprevisibilidade institucional e política. As empresas souberam se reinventar”, enalteceu Castro.

Great Place to Work

Neste ano foi realizada a primeira edição do prêmio Great Place to Work no Espírito Santo, fruto da parceria entre IEL, GPTW e Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH). O consórcio Embracon, fundado em 1988 e instalado no Espírito Santo em 2007, foi eleito o melhor lugar para trabalhar no Espírito Santo. Segundo o diretor comercial Anderson Santos, o cuidado com os colaboradores é uma preocupação permanente da empresa.

Melhor empresa e melhor indústria

O título de melhor empresa do ranking ficou com a Ambiental Serra, que desde 2015, a concessionária atua na gestão do sistema de esgotamento sanitário da Serra por meio de parceria público-privada (PPP) com a Cesan. O reconhecimento para a melhor indústria foi para a Biancogrês. Há mais de 50 anos no mercado, a empresa produz mais de 36 milhões de cerâmica e gera mais de mil empregos no Estado.

Executivo Destaque

O CEO da ArcelorMittal Aços Planos na América do Sul, benjamin Baptista, foi homenageado como o Executivo Destaque, neste ano de 2018. Na ArcelorMittal Brasil está desde 1983, quando iniciou carreira como gerente de exportação. Para ele, a indicação se deve, principalmente, à expressiva contribuição econômica e social da ArcelorMittal Tubarão para os capixabas. “Além de gerar impactos na ordem de 12,7 no PIB do Espírito Santo, entre os anos de 2004 e 2016, de acordo com recente pesquisa da Ufes, a empresa tem contribuído para alavancar o desenvolvimento do Estado. “Somente nesse período, injetamos mais de R$34 bilhões em compras de produtos e serviço na economia capixaba”, comentou.

Confira aqui a Edição 2018 do Anuário IEL 200 Maiores e Melhores Empresas

Clique aqui e veja as fotos da premiação!

Imprimir