Representantes do Sistema Findes, dos sindicatos patronais associados e da EDP reuniram-se na manhã desta quinta-feira (11), para a assinatura do Termo de Cooperação que beneficia toda a sociedade capixaba. O objetivo é capacitar novos profissionais para o setor de energia, principalmente nas operações realizadas pela EDP no Estado.

A iniciativa é parte do programa “Escola de Eletricista da Distribuição”, em parceria com o Senai, e contempla turmas na Grande Vitória, Norte e Sul do Estado. Para o presidente do Sistema Findes, Léo de Castro, a assinatura é um importante passo rumo ao aumento de produtividade. “A Federação tem se mantido próxima da EDP para buscas constantes de melhorias de processos e ampliação da competitividade. A cooperação é um grande passo para qualificar os profissionais capixabas”, ressaltou.

O superintendente do Sesi-ES e diretor Regional do Senai-ES, Mateus de Freitas, destacou que trata-se de uma ação customizada desempenhada pelo Senai-ES. “Para atender uma demanda específica da operação desenvolvida pela EDP no Estado, firmamos uma parceria, com o grande objetivo de gerar mais oportunidades e qualificar os profissionais que já estão no mercado”.

O diretor Comercial e de Distribuição da EDP, João Brito Martins, também esteve presente e reforçou a importância da proximidade com a Federação. “A Findes já se consolida como uma parceira e tem contribuído para melhorarmos a eficiência e ampliarmos as oportunidades para a sociedade capixaba”.

Escola de Eletricista da Distribuição

Na próxima segunda-feira (17), 64 alunos já começam as aulas nas unidades Senai de Cachoeiro de Itapemirim, São Mateus e Civit. Com carga horária de 420 horas, os alunos participam de aulas teóricas e práticas. Em sala de aula, aprenderão sobre os princípios e as leis que regem o funcionamento de sistemas elétricos, por meio de instrumentos, ferramentas, procedimentos e métodos que permitem o planejamento, execução, avaliação e inspeção de redes, bem como manutenções preventivas e corretivas, dentro das normas técnicas e de segurança.

A parte prática do curso acontece no Centro de Treinamento da Distribuidora, localizado em Carapina, na Serra. Por meio de simulações, os alunos realizam a execução de procedimentos, como construir, manter uma rede elétrica e atender às demandas, dentro dos padrões de qualidade e segurança da EDP.

Com a capacitação, os profissionais estarão aptos para executarem atividades de eletricista de rede de distribuição de energia elétrica com ênfase em construção, medição, manutenção, operação e inspeção.

A Escola de Eletricistas é tradição desde 1987, quando a Distribuidora passou a oferecer o treinamento, e vai além de uma ação social junto à comunidade. O objetivo é possibilitar o aperfeiçoamento dos candidatos para que consigam uma colocação no mercado de trabalho, seja como futuro colaborador da EDP ou das empresas prestadoras de serviços.

A capacitação realizada pela Companhia, busca nos candidatos o alinhamento com o princípio da EDP “Ética e a busca do melhor para todos”, uma relação de confiança para levar ao bem comum.

Por Cinthia Pimentel

Imprimir

Notícias Relacionadas