O supervisor de fiscalização da ANTT, Luciano Silva, esteve em Cachoeiro de Itapemirim, no Espírito Santo, esta semana representando o Ministério da Infraestrutura para iniciar a inserção dos tags nos veículos que irão participar do projeto-piloto do Documento Eletrônico de Transporte (DT-e). A iniciativa faz parte de uma série de medidas de desburocratização e melhorias no processo de fiscalização que estão sendo desenvolvidas pelo Governo Federal e é uma das ações do “Projeto 3i – Rede Brasil Inteligente”, que trata do uso de tecnologias de informação e comunicação para aprimorar a logística multimodal no país.

Nesta quinta-feira, 04 de julho, a equipe do Ministério esteve na Bramagran e inseriu o tag no primeiro caminhão da empresa, que é voluntária no piloto. A nova tecnologia será testada pelos próximos meses e permitirá a unificação de cerca de 20 documentos que são exigidos para operações de transporte de carga no país.

 

Assessoria de Comunicação Sindirochas

Imprimir