O evento acontece simultaneamente em vários locais entre os dias 17 e 23 de outubro

O Sistema Findes está presente na programação da 13ª Semana Estadual de Ciência e Tecnologia, promovida pelo Governo do Estado por meio da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional, e que acontece até o dia 23 de outubro, com atividades que ocorrem simultaneamente em diversos municípios capixabas. As ações do Sistema Findes no evento são coordenadas por sua Divisão de Inovação, o InovaFindes.

Sistema Findes na 13ª Semana Estadual de Ciência e Tecnologia

InnovaCities

Como parte da programação da 13ª Semana Estadual de Ciência e Tecnologia, o InnovaCities 2016 apresenta um modelo virtual de veiculação de projetos por meio de vídeos, aumentando o seu impacto sobre potenciais investidores e instituições para a criação de parcerias científicas, tecnológicas, de inovação e comerciais. Os vídeos serão exibidos na Vitrine Tecnológica InnovaCities, dentro do Ecossistema de Inovação Digital Abipir (www.abipir.org.br) e na Plataforma Innovatio (www.plataformainnovatio.com.br) para que sejam apreciados pela comissão julgadora, investidores, instituições de ciência, tecnologia e inovação, empresas e público em geral.

O Senai-ES participa do InnovaCities deste ano com dois projetos desenvolvidos por alunas do curso Técnico em Meio Ambiente do Senai Colatina, e que foram premiados na 7ª Mostra do Inova Senai, em 2015.

O projeto “Captação e armazenamento de água da chuva”, 2º lugar na categoria “Processo” da 7ª Mostra Inova Senai em 2015, foi desenvolvido pelas alunas Bárbara Galimberti Zouain, Caroline Gatti Lievore e Claire Manola Dalben, com orientação da professora Bruna Neitzel Sepulcri. O projeto propõe a implantação de um sistema de coleta e armazenamento da água da chuva no Centro Integrado Sesi/Senai de Colatina, visando à utilização da água pluvial armazenada em cisternas para fins não potáveis.

Já o projeto ”Plano de gerenciamento de águas e efluentes acoplado a um dispositivo potencializador”, que conquistou o 1º lugar na mesma categoria (“Processo”), desenvolvido pelas alunas Aliny Drago Marianelli, Débora Paulino Fachetti, Rafaela dos Santos Gomes e Maria Cecília Zorzanelli, também orientadas pela professora Bruna Neitzel Sepulcri, visa à criação de um dispositivo tecnológico que realiza a leitura instantânea da quantidade de água que ingressa em uma instituição. Além de aprimorar a gestão das águas, pode ser utilizado para sensibilizar os trabalhadores e visitantes inseridos no cotidiano de uma empresa/indústria, permitindo reflexões e otimizando a adoção de atitudes capazes de provocar mudanças em seus próprios grupos de convívio.

Atividades nas escolas do Sesi-ES

O tema escolhido para a 13ª edição da Semana Estadual de Ciência e Tecnologia é “Ciência Alimentando o Brasil”. A motivação para a escolha baseia-se na decisão da Assembleia-Geral das Nações Unidas, que proclamou 2016 como o Ano Internacional das Leguminosas (AIL). Os alunos do Sesi Cobilândia (Vila Velha) e Sesi Maruípe (Vitória) desenvolveram algumas atividades relativas ao tema, envolvendo no total cerca de 250 alunos. Em Maruípe, os alunos da 2ª série do Ensino Médio, durante as aulas de Sociologia, discutiram questões como o uso de agrotóxicos, alimentação saudável, agronegócio e pesquisa alimentícia. Logo após, foram feitas pesquisas que geraram a construção conjunta de um mural e, posteriormente, a apresentação de um seminário.

Já os professores de Biologia e Redação do 3º ano do Ensino Médio do Sesi Cobilândia desenvolveram aulas diferenciadas voltadas para temas como processos de fermentação e produção de alimentos, pirâmide alimentar, alimentação saudável, atividade física, desperdício, lixo e reciclagem, culminando com uma palestra e debate para os alunos com o tema “Lixo orgânico e inorgânico: como tratá-los?”. Ambas as ações contaram com o apoio da equipe de Educação Básica do Sesi-ES.

Cozinha Brasil

Uma Unidade Móvel do Cozinha Brasil estará alocada até o dia 20 (quinta-feira) em local próximo ao Teatro da Universidade Federal do Espírito Santo – Ufes, como parte da programação da 13ª Semana Estadual de Ciência e Tecnologia. No local, o público poderá conferir a preparação de alguns tipos de bolos e sucos baseados no aproveitamento integral dos alimentos, indo ao encontro do tema da Semana, “Ciência Alimentando o Brasil”.

20º Salão do Inventor Brasileiro – Prêmio Talento Brasileiro

O Senai-ES estará participando do 20º Salão do Inventor Brasileiro – Prêmio Talento Brasileiro, no período de 20 a 22 de outubro, de 10h às 22h, na praça de eventos do Shopping Mestre Álvaro, na Serra, onde estará em exposição o projeto “Picolé com reaproveitamento de soro de leite”, premiado na categoria “Produto” na 7º Mostra Inova Senai (2015). Esse projeto foi desenvolvido pelo instrutor Ramon Ramos de Paula na Unidade Operacional de Vila Velha e contribuiu para incentivar o desenvolvimento de projetos inovadores para os alunos do Curso Técnico em Alimentos.

Mais informações em www.inventar.com.br

A Semana Estadual de Ciência e Tecnologia

A Semana Estadual de Ciência e Tecnologia – Semana Estadual CT – foi estabelecida pelo Decreto nº 1.377- R, de 23 de setembro de 2004. Ela é realizada sempre no mês de outubro, sob a coordenação da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional (Secti), por meio de uma Comissão Coordenadora que conta com os seguintes colaboradores: membros da Secretaria de Estado da Educação (Sedu), Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes), Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes), Sebrae-ES, Associação Brasileira de Centros e Museus de Ciência (ABCMC); Associação Brasileira de Inventores, Cientistas e Empreendedores Inovadores (ABIPIR); Instituto Brasileiro da Inovação (IBI); Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação de São Mateus (CONCITI) e do Conselho Municipal de Ciência e Tecnologia de Cachoeiro de Itapemirim.

A Semana Estadual CT acompanha um movimento nacional que busca aproximar a ciência, a tecnologia e a inovação da população, promovendo eventos que reúnem centenas de instituições para que realizem atividades de divulgação científica em todo o país. A ideia é criar uma linguagem acessível à população, utilizando meios inovadores que estimulem a curiosidade e motivem a discussão sobre as implicações sociais da Ciência, além de aprofundar o conhecimento geral sobre o tema.

Saiba mais em www.semanact.es.gov.br

Por Fabio Martins

Imprimir